+ textos

Hora da chegada, hora da partida

Muitas pessoas passam por nós, mas poucas deixam sinais. 

Conhece, desconhece; 
Vê, não vê; 
Sente, não sente; 
Liga, desliga; 

Ao longo de tudo, pessoas passam adicionando coisas na minha vida e na sua. Podem ser coisas de todo adjetivo ou estado. De algum jeito conseguem achar uma brecha no tempo de um indivíduo e mudar sua vida em algum detalhe. Tem algumas que por algum motivo não são tão visíveis ou compatíveis com o estilo de vida, passam neutras ou nem passam (passam, mas não passam).

A praga acaba sendo a distância indiferente que perfura e destrói qualquer intimidade que havia, deixando somente marcas no coração. E ele fica lá comprimido. Falta de contato, presumindo que contato não se resume a um oi. Contato é sentir o conforto, sentir que ali você encontra companhia.

Acaba sendo uma perda muito ruim, por que demora a preencher o lugar que alguém habitava, ás vezes não há substituição. Aliás, nunca há. Os lugares ficam sempre vazios, se chega alguém novo são abertos mais lugares. Um adeus é triste, mas um adeus sem ser dito, é ainda mais.

8 comentários:

JuJuBa disse...

Só a distância sabe medir o tamanho de um sentimento e sua intensidade.

;* ótimo post.

Marco Schiavo disse...

Ficou muito bom. Todos nós temos sentimentos que não cabem a ninguém medir ou substituir, e somente nós mesmos podemos definir a intensidade deles. Gostei do texto.

Thaby disse...

Eitah tiuh filósofuh meu Deus!!!
kda coisa munita...

Ho, tipo... Só através da saudade é q podemos perceber o quanto akele alguém é especial.
Este motivo mostra o lado positivo da saudade.
Apesar de ser uma dor insaciável, ela faz aflorar a paixão de namorados q estão distantes, ou até mesmo, faz sugir o perdão entre dois irmãos q estão longes.

Mas, é isso aí... A vida é feita de chegadas e de partidas. Assim como a primavera, muitas pessoas passam por nossa vida e logo vão embora, porém, nos deixam lindas flores para embelezar ainda mais o caminho q iremos trilhar.

bjaummm tiuh!!!
amei!! muito lindo o post....

glauber disse...

Rapaz, ficou muito bom o post!
Falar de sentimentos é sempre muito complicado (pelo menos pra mim), saudade então nem se fala.
Sem palavras!
Abraço!

Mapa do meu nada disse...

falou tudo em: "contato não é só oi" ...concordo qnd vc diz, que as pessoas novas que chegam não "tapam" os buracos, elas abrem mais espaços, quando as pessoas vão embora, principalmente sem dizer adeus, o vazio permanece p sempre, tanta gente que eu já perdi assim, hoje eu sou apenas um nada...

e nem fala em saudade, que eu não posso escutar essa palavra


muito bom seu texto

subby disse...

"não se afobe não que nada é pra já, amores serão sempre amáveis."
(chico buarque)

*=
amo

ella disse...

é triste.
realmente triste.

ella disse...

voce anda muito sensivel, ou fiui eu quem nao percebi isso antes?

só vejo puro sentimento nos seus ultimos posts.
que coisa.

antigamente era diferente, nao era?