+ textos

S.S.S.: Siga Sempre Sorrindo!

Martin se comoveu com o livro que tinha acabado de ler. Que título maravilhoso: "S.S.S.: Siga sempre sorrindo". Ele gostou tanto que resolveu acolher aquela filosofia ao pé da letra.
Ligou o mp3 e colocou os fones do ouvido, escutava umas músicas eletrônicas e dançava pela casa. Arrumou-se, foi em direção ao espelho, escolheu o melhor sorriso e saiu para caminhar.
Primeiro correu pelas ruas próximas a sua casa, sempre sorrindo, é claro. Dava passos largos embalados pelo som das músicas.
Em sua direção vinha uma mulher muito bonita; olhos castanhos vivos, cabelos longos, cheia de curvas. Ele mantinha seu sorriso, ela também.
Ele arriscou um bom dia, ela mudou a expressão do rosto de forma brutal, e falou:

- E o que é que tem de bom? Eu vou mandar meu namorado te matar, seu tarado! - Deu um tapa no rosto de Martin, empinou o nariz e foi embora.

Depois dessa ele não deveria continuar sorrindo, mas seu humor permanecia inabalável. Mentalizava o "Siga sempre sorrindo!", e continuou sua caminhada. Viu uma senhora de idade carregando duas sacolas grandes, que pareciam estar pesadas. Ele foi na direção dela, com o mesmo sorriso, e disse:

- Posso ajudá-la?

No mesmo instante a senhora disse:

- Tudo bem.

Martin ficou esperançoso por existir pessoas que sabem admirar um bom sorriso e bons gestos. Ao mesmo tempo sentiu uma pancada nas costas. Depois mais uma, mais uma.
A senhora desfechava vários golpes usando sua bolsa. Ela gritava "Ladrão, ladrão!", por sorte, Martin conseguiu sumir no meio da confusão.

Mesmo assim, ao invés de reclamar e se sentir frustrado, riu da situação. Repetia mentalmente: "Siga sempre sorrindo!" Continuou caminhando, sorriso estampado, bochechas já dormentes.
Um grupo de homens estava logo à frente, eles pareciam estar fumando algo. Mas, Martin decidiu não ter uma atitude hostil e manteve seu sorriso.

Coitado...Nunca a morte esteve tão perto. Levou a pior surra da vida dele. Depois de alguns dias no hospital, voltou pra casa com um pé e um braço ambos engessados. Pegou o livro, arrancou página por página e fez vários origamis.

Só então percebeu que sorrir sempre não é possível. Daquele dia em diante, resolveu seguir pelo caminho do bom senso (até porque já não contava com os mesmos dentes de antes).



________

Abre aspas:

E eu, posso dizer que tenho bons motivos pra sorrir neste blog!
Sorrir pelas visitas, comentários, colegas...E selos!
Agradecimento quátruplo para o Fernando Locke do Paraíso Perdido pelos 4 selos!
O critério que usei pra dar esses selos foi justamente o nome dos próprios selos.
Já são bons elogios! Pena que só pude escolher 5 de cada...



Bomba MH
Bem vindo à casa!
Blog do Tyler
Reverso
Vidente do amor

___

Bomba MH
Fada mutante
Devaneios Desvairados
Conversa Oca
Samurai Talk Show

___



Polecos
Coluna Fantasma
Memórias de um adolescente
Café na Porta
Confessionário

___



Polecos
Lis Upgrade
Devaneios da meia-noite
Catástrofe
O Mundo de Sofisma

-

Ah! E agradeço também a Jéssica do Devaneios Desvairados pelo selo "É um blog muito bom, sim senhora" que eu já postei aqui.

Bem, meu pc ainda não voltou...Enquanto isso eu vou pulando de pc em pc, desculpa se faltou comentar no blog de alguém, logo logo eu to de volta 100%.

Abração!
e...Fecha aspas.

22 comentários:

Dannyell disse...

Claro que mais uma vez, o post ta muito bom...

Acho que todos os sentimentos se completam, nao eh possivel ser feliz 24 horas por dia, mas tentemos por mais de 12...

Vlw pela indicação, so vc mesmo pra elogiar minhas loucuras.

rrs

abração veio

Scheidex disse...

ihhih
vlws pelo selo...
abraços
t+
=)

- BiAaaAah* disse...

uhuull.. seelo novoooo!
brigaaaaaada Helder!
as Desvairadas agradeceeeeem! =P

bom domingão!

e quanto a sempre seguir sorrindo... é difícil mesmo! Mas a gente segue como pode né?!!

beeijo

Tiago Torigoe disse...

OO cara,valew muito pelo selo!!
no proximo post eu coloco lah,beleza? ^^
E eu q dizia q nao tinah selos,do nada vieram dois! ^^
Sinal de q meu blog tah indo bem :P

brigado,e tudo de bom pra vc

Juliana Caribé disse...

Pois é... Nem sempre nossos sorrisos são bem vindos ou bem interpretados. E acho que bom senso é algo muito importante nesse quesito.
Beijinhos.

Amanda Bia disse...

coitado! fiquei com dó dele!
concordo que não dá p/ sorrir sempre!
parabéns pelos selos!
beijos!

Dududa disse...

É não se pode viver sorrindo sempre, não no mundo atual, eu até tento...
ótimo texto,muito interessante.
;*

Flávia disse...

Acho que nossa busca é élo equilibrio, esse carinha estava um pouco exagerado com seu homor.

Mais o foco é esse, sempre Perseverar, não deixe que as pessoas mudem seu conceito.

OBRIGADA pelo selinho...adorei!!!

beijão!!!

Criiis ;) disse...

Sorria e acene, sorria e acene :}

É.. por essas coisas que as vezes eu apenas dou risada por dentro, pra ninguém perceber. Mas eu vou rir sempre, na medida do possível!

Beijo querido, tava sentindo falta da tua visita :*

Fernando disse...

Ôpa, Hélder, muito obrigado, meu querido! Farei um post depois com os selos que tenho ganho e que ainda não postei.

Bom, quanto ao lema SSS, acho que se ele tivesse encontrado uma boazuda com marido pelo caminho, ele desistiria de sorrir. Afinal, juízo é bom e conserva os dentes. Hehehehe.

Vou te lincar, ok? E se você quiser continuar com os seus dentes intactos, me linque também. :)

Abraços!

MH disse...

É por isso que eu digo:
VOCE é O CARAAAAAAAAAAAAAAA!!!!
Show de bola os selinhos.
Gostei muitoooooooooo>
E se continuar ganhando estes selinhos vou
SEGUIR SEMPRE SORRINDO, nem que leve uma surra por ai. rsrsrs
abraçossssssssssssss

Fabio Martins (Dú) disse...

Hélder... cara muito obrigado mais uma vez pelo selo de coração... todos do catástrofe ficamos muito gratos.

Ao texto, cara sorrir é muito bom quebra-se o gelo com essa postura ( aliás ser cortês, simpático também mas soando falso não rola deve ser natural ) mas hoje devido ao momento que vivemos as pessoas não estão tão receptivas aos sorrisos, e a muitas coisas tbm. O que importa e sermos nós mesmos, sempre. E ter bom senso é a chave do sucesso.

Bom texto abração.

tarciso disse...

Helder, dou razão ao Martin quanto à estratégia do sorriso, seu único engano foi ostentá-lo sem discernimento. Pouca gente suporta a felicidade alheia. Mas tem um tipo de sorriso que nem o espelho revela e que brilha lá no fundo da alma sem trazer esses traumáticos efeitos colaterais que o personagem sofreu. (lol)

subby disse...

hahahahaha

muito bom heldinho..

espero q uma certa pessoa q conheço não tenha esse triste fim. huahua
garota propaganda do corega. =D

te amo!

Priscila Petrarca disse...

como sempre, tá ótimo!

Acho que sorrir sempre bom, mas as vezes as lágrimas ensinam mais do que sorrisos...
contudo, adorei o tema do post, adorei tudo.
beijão

NANDO DAMÁZIO disse...

Também acho que sorrisos em excesso representa uma certa alienação, pois há momentos que a gente deve encarar com certa seriedade .. Mas isso não quer dizer que devemos nos tornar ácidos ou amargos, que a doçura perdure, porém sem perder a lucidez ..

Coitado desse garoto hein, dia de cão que ele viveu !!

Merecidas indicações ..
Té + !!

Jeniffer Santos disse...

realmente...vc é mt bom no que faz xD
adoro seus contos!
beijos

Mapa do meu nada disse...

esse texto me lembrou aquele video do youtube...Adolf cliber (ou sei lá como eh)
huhuhuhuhuhuhuhuhuhuhu


muito bom
;]



parabens pelos selos

:D

Gracy disse...

ooopps...conta errada o comentário de cima

bjo

MH disse...

ah!! pensei que tinha texto novo..entao ta ne..bom fim de semana

- Mô ღ disse...

Q saudaaaaaade desse bloooooog!!
Como vc tah, Helder?

Muuuito obrigada pelo selo!! ;)

Beeeeijos! Bom fds!

fernanda.soaresnm disse...

Primeira vez que vejo este blog,e achei muito legal esses textos que você escreve,bastante criativos,Parabéns