+ textos

Mudanças

Acordei num dia qualquer, para mim era sim, pois não tinha surpresas há anos. Quando abri os olhos via as coisas com a familiaridade de sempre, reconhecia cada palmo daquele lugar. As paredes sempre tão gélidas tanto na cor quanto no toque, aquele guarda roupa já gasto, a estante quase aos pedaços e a cama, na qual eu estava depositado, rangendo sempre ao menor contato.

Levantei-me como quem não queria sequer ter acordado. Cansado de ver sempre o mesmo trajeto e o mesmo rosto, ia ao espelho sem esperar nenhuma mudança. Ao passo que o espelho ia desembaçando vi algo que não conheci. Mas, realmente não conheci. Aquelas sobrancelhas finas haviam engrossado, o nariz até então pequeno demais para o rosto havia aumentado proporcionalmente, os olhos tristes e opacos ficaram brilhantes podendo ser comparados a jabuticabas do início da estação, meus cabelos curtos e finos haviam crescido... Não, não podia ser. Não era o mesmo Francis de sempre! Era outro!

Como qualquer um que há tempos não tinha uma novidade, eu sorri. Fiz meu processo matinal entusiasmado e fui dar uma caminhada. Sorria para todos os lados. As pessoas, todas com rosto sóbrio e até nervoso, olhavam para mim julgando ser um estranho entre elas. Mas, eu não via esses olhares cruzados como ofensa, e sim como elogios devido à nova aparência.

Fui para meu trabalho que sempre considerei desgastante, mas, neste dia não o via assim. Qualquer detalhe era visto como novidade: um lápis novo, uma nova resma de folhas, os sorrisos que não dirigiam a mim há muito tempo. Era sim, um novo Francis.

Daí pra frente eu continuo vivendo a vida como uma novidade contínua: dando atenção a estranhos, fazendo novos amigos, dando boas risadas, escutando as pessoas... Sempre me vigiando para não deixar o tédio me visitar.

Ainda lembro daquela manhã em que acordei sem vontade de levantar e me vi diferente no espelho. Esse dia mudou minha vida, mesmo depois que descobri que o 'diferente' que e enxerguei devia-se à alguns graus de miopia.

_

A pergunta que não quer calar... Até agora!

Há, e tem uma coisa que eu nunca tentei, por mais óbvia que parecesse. Procurei no Google (óbvio) o que é um meme e logo, apareceu a Wikipédia (mais óbvio ainda!).

Segundo o site:

Um meme, termo ‘cunhado’ em 1976 por Richard Dawkins no seu bestseller controverso ‘O Gene Egoísta’, é para a memória o análogo do gene na genética, a sua unidade mínima. [...] No que diz respeito à sua funcionalidade, o meme é considerado uma unidade de evolução cultural que pode de alguma forma autopropagar-se. Os memes podem ser idéias ou partes de idéias, línguas, sons, desenhos, capacidades, valores estéticos e morais, ou qualquer outra coisa que possa ser aprendida facilmente e transmitida enquanto unidade autônoma. [...] Quando usado num contexto coloquial e não especializado, o termo meme pode significar apenas a transmissão de informação de uma mente para outra. [...] O estudo dos modelos evolutivos da transferência de informação é conhecido como memética.”

Pô, fiquei decepcionado! (Se bem que as fontes não são lá tão confiáveis) Esperava uma história mirabolante. Algo como siglas sigilosas ou mensagens subliminares...Enfim... Eu não tô com muito tempo pra ler “O Gene Egoísta” (Se alguém ler me avisa). Hehehehehe.

P.S.: Memética merece ser adicionada ao nosso vocabulário.

Espero ter prestado um bom serviço matando a curiosidade dos colegas!

Abç!

28 comentários:

Jeniffer Santos disse...

é sempre bom tentar fazer dias comuns vivarem dias bons e diferentes...se a gente parar de se preocupar tanto com o tempo e o trablho,com a rotina,e prestar mais atenção em td ao nosso redor...um dia comum pode ser um bom dia ;D


beijos!

(adorei a nova cara do blog)

Alice disse...

Meme ou não , adoro ler-te!!

bjkassssssssss

Dani disse...

Já me surpreendi olhando no espelho pela manha! =D

Adorei o lance do memê!uahuahua

Beijo

• paloma disse...

mas pior que as vezes é assim mesmo. o.O'
frequentemente eu me olho no espelho e me vejo feia demais ou bonita demais. :O


pode ser imaginação da nossa cabeça :P

Princesa Paty disse...

Realmente é muito bom ter esse dia em que vemos tudo com "outros olhos".

Quanto ao meme, obrigada, realmente nunca imaginei o siginificado. rsrsr

Beijos

MH disse...

As vezes acordo, me olho no espelho e não me reconheco....mas é tudo por causa do cabelo de bozo...depois do banho melhora. rsrsrs

Dannyell disse...

Bom primeiro quanto ao meme, ja sabia o que significava, mas foi boa a ideia de espalhar a definição.

Quanto ao texto, acho que sugere que por mais que agente pense que tudo esta igual, na verdade estamos em constante mudança, temos que observar isso antes que seja tarde.

Desculpe se interpretei errado.

Abraços

Janete Andrade disse...

eu nem me reconheço mais qdo olho no espelho, eu sempre me pergunto: - meu Deus aonde está aquela 'velha' Janete? ;$

=*

Luifel disse...

Éh! somos seres mutaveis e isso é excelente kra!

Hei, brigadão pelo esclarecimento da dúvida do que vem a ser um meme... semana q vem volto com a resposta do meu.

Abção!

disse...

É incrível como um novo olhar sobre si mesmo e uma nova postura de vida transformam tédio em energia.

Bjo

Ana Baldner disse...

eu gostaria muito de descobrir o que é um meme rsrsrsr

bjs

- Mô ღ disse...

Hélder!!
Td boom?
To passando pra matar a saudade...=D

Fiquei d caaara com essa história do Richard Dawkins! Jamaaaaais eu ia imaginar q ele teria alguma coisa a ver com isso...rs! Mto interessante! ;)

Bjinhoos...bom fds!

Srta. Festa disse...

E matou a curiosidade mesmo. Pra falar a verdade eu sempre vejo nos blogs alguma coisa relacionada a meme, mas eu nem sei direito o que isso significa.

Talvez se eu blogasse mais saberia...¬¬

Enfim, achei bem simpático da forma que você escreveu sobre as mudanças. Toda vez que eu olho no espelho posso perceber coisas que não tinha repado em anos, ou mudanças que eu percebo na hora.

Ah, acho que você cometeu um pequeno engano quando deixou um comentario no blog. E que na verdade eu tenho dois blogs e em todos os dois eu escrevo com uma amiga.

O http://prainiciodeprosa.blogspot.com/
é o filho mais velho (que eu escrevo com a Indh). E o http://pensamentosborbulhantes.blogspot.com/
é o meu filho mais novo (que eu escrevo com a S.Sohma).

Eu adicionei seu blog nos dois, por isso vou aparecer aqui sempre. Agora você vai ter que me aturar!

Bjos ^^

Carolzita! disse...

Mandei um meme pra vc. rs

Tyler Bazz disse...

Dormiu Jekyll e acordou Hyde???

Gustavo Hermes Soares disse...

caraaa, que blog tri!

adorei o texto.
me fez lembrar a minha terapeuta. heuheuheuheuhe

eu aprendi com ela a resignificar as coisas. mudar o olhar. e tá sendo ótimo. nunca fui tão feliz. [*momento cinderela]
hashsuhsas

meme?
hauhahashau

vou linká-lo! ;]

Fernando Locke disse...

è meu caro! o destino quem faz somos nós. até é isso o tema de meu ultimo texto. e quanto aos memes: tbm tive essa decepcção, mas creioq tem algo relacionado com Mnemosine, a deusa da memória e dos pensamentos. daí meme. sei lá, palpite. mas o q era eu aprendi numa cadeira de psicologia e não, gene egoista eu não li XP
abraço!

Eduardo Magalhães disse...

Nossa, considerei a postagem tão memétca....Mas dzem que as fontes da Wikkipédia não são la das mais confiáveis, apesar de eu adorar consultá-la.
Bom minha míopia nnca fez tanto assim por mim, só por algumas pessoas quando as vejo de longe!! hhihihhih
Mas acredita que minha miopia às vezes tenta mostrar de longe o que de perto não parece ser????
hehehehe
abraço!

Tiago Torigoe disse...

Opa, eu quero participar da Memética :P

UahUA XD
mto bom o post...se bem que miopia nao vem do nada, eu acho :P

qndo eu descobri que era míope, já sabia que tava difícil de ler coisas de longe na escola ^^

falowzz , mto bom o post

Amanda Bia disse...

eu queria poder fazer da minha rotina uma eterna novidade. mas ainda não aprendi a ser tão otimista!
muito obrigada por procurar o que é meme. nunca tinha pensado em ver no google. e olha que ele é meu melhor amigo, hehehe!
beijos!

disse...

Tentar enxergar o dia-a-dia sob uma nova ótica, realmente deixa tudo diferente.
Adorei o texto, é uma lição.

a definição do meme...
hauhuahua

;)

Flávia disse...

Tenho os olhos bem pequenos...

as vezes acordo e parece que no meu rosto não existe olhos....rs

bjs

Flávia disse...

Oi miguinho....

Tive que mudar o endereço do meu blog....

anota aí:

www.flavyatam.blogspot.com

tem o banner lá na pagina.

bjs

Lua Durand disse...

eu quero conhecer esse francis.

-

adivinha. =)

-

um cheiro.

Luc's. disse...

Tá tipo que nem eu então que esses dias acordei, olhei no espelho e vi, uma cara inchada (de dormir), um bigode de motoboy (por fazer) e um cabelo tipo Tony Tornado. Estranhei. Pensei ser outra pessoa. Mas não era. Era eu mesmo, numa segunda-feira que, ainda por cima, eu estava atrasado.

(mentira, inventei isso)

huahauhauahuah!
Abraço.

Jeniffer Santos disse...

fui a primeira a comentar por aqui..
então vim pedir post novo \o/

beijos

FERNANDO disse...

Opa, até que enfim alguém na maldita blogosfera teve essa idéia. Como não pensei no Google?

Valeu, Helder. Eu queria saber isso há algum tempo.

FERNANDO disse...

Ah, quanto ao conto míope (ou míope conto? Enfim...), sei do que falas, pois já tive quase cinco graus de miopia em cada olho.

Lembro que nunca copiava a lição no quadro, até um dia a professora notar e me mandar ao oftalmologista. E me recordo ainda que, quando comecei a usar óculos, a sensação de enxergar sem nada embaçado foi tão boa, mas tão boa, que se assemelhava com outra muito singular que descobri uns quatro anos depois, trancado num banheiro. Kkkkkk.