+ textos

Hobby

Indecisão é meu mais novo hobby. Atribuir valores iguais as coisas e depois não saber mais o que fazer é uma arte. Definitivamente. Vai das coisas mais simples, como escolher uma música, até coisas mais complicadas, como cursos de vestibular. Entre outros, como o caso de colocar catchup ou não num dado alimento, já que dizem que ele tira o gosto das coisas.
Escrever sobre este ou aquele assunto, que no final das contas me leva a não escrever nada. Fazer uma coisa que julgo mais importante que outra que gostaria de fazer e no final escolho o nada. Possibilidades e mais possibilidades. Indecisão é escolher o nada ou é escolher tudo? É, não sei. Também fiquei indeciso quanto à resposta.
A verdade é que convivendo com ela eu descobri uma solução. Sabe aquele papo de pensar duas vezes? Cuidado. Pensando duas vocês corre o risco de pensar três ou quatro. Então, seja o mais breve possível. Instintivo demais? Talvez. Fora isso, só resta esperar... Que também é uma boa solução... Droga... Definitivamente, indecisão é meu mais novo hobby.

-


Fala galera! Tudo certo? Por aqui tudo bem, apesar de não dar sinal de vida. As coisas estão meio complicadas. A inspiração não vem me visitando muito ultimamente e a correria é de praxe. Tanto que, dia dois desse mês eu completei 18 anos e como sabem, no meu aniversário sempre escrevo alguma coisa. Dessa vez não consegui. Bem, decidi seguir certa filosofia que diz que “ler e viver é mais importante que escrever”.
Com o tempo quero visitá-los e lê-los. Enquanto isso vou me divertindo ao excluir os malditos spams que apareceram por aqui.
Abraços!

10 comentários:

Nick Farewell disse...

Por muito tempo pensar tem sido a minha filosofia favorita. O intelecto ou a compreensão só se desenvolve com pensamentos. Com pensamentos originais diga-se de passagem. É necessário desafiar o estabelecido. É imprescindível não aceitar o senso-comum, stutus quo e por fim, o que acredita que seja a realidade. Ser extraordinário é ser consciente. Ser desafiador e não ter medo de ser solitário. A unididade só se pode ser atingida quando se compreende todos. Um grande abraço, parabéns pelo aniversário e muita sorte e determinação na sua jornada.

Luifel disse...

Ixi, acho que indecisão é a moda do momento. Tb me sinto um pouco como o seu texto... será q tem solução?


Abção!

Daniel Simões Coelho disse...

Tem um spam aqui em cima, rsrsrsrs


hahaha, gostei, voce fez um post usando sua propria dificuldade em postar.


Bom, parabéns, ja dei...

rsrs


abraços

introspectivasim disse...

Olá amigo!
Venho aqui dizer que adorei seu blog!
Indecisão também é uma característica que às vezes me persegue. Como é difícil fazer escolhas. E quando finalmente me decido, às vezes fico na dúvida se escolhi realmente o melhor. Mas faz parte da incerteza humana. Se a escolha não for boa, tentamos de novo. É só assim que conseguimos ganhar experiência de vida e nos tornarmos pessoas melhores.

Voltarei mais vezes aqui!
Um grande beijo!

Gracy disse...

fiquei indecisa na hora de comentar! rsrsrs.

Subby disse...

minha vida é uma interrogação. Principalmente pelo fato de que às vezes pareço tão decidida.. e em outros momentos n sei q rumo seguir.
Tenho vontade, às vezes, de ter alguém sempre me mostrando o caminho..mas sei q assim eu nunca aprenderia nada.

amo!
*=

Wallacy disse...

Também fiz dezoito anos esses dias! E quanto a indecisão, eu já a superei, estava dando muitas mancadas por causa dela... Abraço!

Introspectiva disse...

Hélder, tem selos pra você lá no Intrsopectiva!

Um grande beijo!

Fernando R. Silva disse...

"Indecisão é meu mais novo hobby. Atribuir valores iguais as coisas e depois não saber mais o que fazer é uma arte."

Sou assim desde que me entendo por adulto. E nada mais me irrita do que isso. Não há arte alguma na indecisão. Ou há? Tá vendo?

Abraços!

Jéssica V. Amâncio disse...

Acho que a indecisão seeempre foi o meu hobby... de verdade. Sou igualzinha você. hahahaha é muito ruim. rs
Quanto tempo não passava por aqui!
Então nesse 2010 você tem 18 anos.. periiigo...rs
Beijos;*